Os aniversários dos amigos

Até então todas as comemorações haviam se restringido ao âmbito escolar.  Neste fim de semana, pela primeira vez, foi diferente.  E logo em grande estilo: duas comemorações natalícias no mesmo dia, no mesmo bairro.  A primeira às 12h; a segunda às 16h.  Esse povo, francamente!  Nem para combinar serve.  O resultado disso foi uma grande corrida maluca, de quase todos os pais (exceto os pais dos dois aniversariantes) de uma festa para a outra, assim que a primeira acabou.  Chegaram todos juntos, fazendo a segunda festa praticamente dobrar de tamanho e, enfim, ter início.

As festas foram bem traquilas.  Mas alguns comentários eu preciso fazer, até para buscar apoio junto aos pais mais experientes, leitores deste blog.  Vamos por partes, ponto a ponto:

  • As crianças todas juntas num único ambiente, algumas com um pai/mãe olhando e outras com ambos ali também, era difícil tomar conta de tudo o que ocorria.  Eram, portanto, mais de um adulto por criança ali e mesmo assim não se conseguia ter o controle da situação.  Fiquei me perguntando: como é que a professora consegue, só com duas auxiliares, dar conta daquele monte de crianças insandecidas, cada uma fazendo uma coisa diferente?
  • Para pais sem noção, crianças sem noção.  A regra, até o presente momento, não deixou evidências de admitir exceção.
  • Felícia está longe de ser a mais porra-louca da turma.  Está longe também de ser a mais forte ou a mais agressiva.  Muito pelo contrário.  Filhos de pais sem noção ocupam o primeiro posto, principalmente se forem os mais velhos/maiores da turma.  Porém, eu achei a Felícia tímida demais perto dos colegas de turma.  Às vezes ela parecia observar para querer aprender o que eles faziam; às vezes parecia preferir se divertir sozinha mesmo.  Não que isso seja bom ou ruim, mas eu fiquei com essa impressão.
  • Felícia é uma das menores crianças da sua turma, possivelmente a mais nova (se não for a mais nova, é a segunda mais nova), com cerca de sete meses de diferença para os mais velhos.  Mesmo assim, é a que mais fala.  Ao contrário de outros, que não abriram a boca uma vez sequer durante todo o dia.
  • É muito grande a diferença de habilidade motora dos mais velhos para os mais novos.  Não é que os mais velhos sejam sempre mais hábeis que os mais novos, mas essa é uma tendência inegável.  Cheguei a ficar assustado com alguns dos coleguinhas mais velhos da Felícia, tão bem lidavam com determinadas atividades que requeriam certa habilidade motora (alimentar-se, por exemplo).  Essa diferença, creio eu, tenderá a sumir com o tempo.  Hoje, porém, ela existe e é notória.
  • Todas as crianças comeram pouco e rápido, e foram logo brincar.  Todos se retiraram da mesa de lanches, mas Felícia continuou lá, sozinha, matando a fome até o final do pote de sorvete.
Anúncios

3 Comments

Add yours →

  1. Ela ficou inteirona depois das duas festas??

    Tão inteira quanto no fim de um dia normal.

  2. Essa coisa do caos e como as professoras conseguem administrá-lo foi minha primeira impressão da minha primeira festinha dessas também. E me fez ter a certeza de que vale o dinheiro investido. 😀
    Ah, e a Felícia está na turminha do Matheus, irmão da Ana Carolina, amiga da Sofia.

    Essa genealogia tá muito complicada…

  3. Essa é a minha vida, esse é o meu clube. Já cheguei a fazer revezamento com a Fê: um levava JG na festa da manhã, o outro, na da tarde. E já chegamos a ter três festas no mesmo dia!

    Suas observações são pertinentes, e é normal se você pensar que a Felícia, por ser a mais novinha da turma, está um passo atrás no desenvolvimento. Mas não está. É que a diferença de idade entre as crianças conta muito.

    E já vou avisando: com o tempo, o quesito “bagunça” assume outra dimensão. Daqui a dois anos você vai saber do que eu estou falando.

    #Medo!

Você quer comentar? Clique aqui!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: