De fome a Filó não morre

Diz o ditado que “cachorro que tem dois donos morre de fome“. Essa é uma verdade, traduzida em poucas palavras pela sabedoria popular, que a Filomena, por diversas vezes, já esteve prestes a experimentar na prática. Acho que foi essa fome, motriz do mundo, que despertou nela a capacidade de comunicação que nos faz perceber que um dos dois esqueceu dela – ou os dois.

Mas, Filomena, para a sua alegria, seus problemas acabaram!

A novidade dos últimos tempos é que a Felícia não deixa mais o pote de comida vazio. Se não tem comida, ela mesma pega o pote e vai atrás de mim pela casa, falando:

– Papai, Dicó!

E mostra o pote de aço inox vazio.  Insiste em colocar comida para a Filó – e insiste também que a Filó coma a comida, depois que nós enchemos o pote.

O negócio anda tão sério que eu passei a esperar ela chegar em casa para dar comida à Filó.

Anúncios

About the post

Felícia, Filomena

3 Comments

Add yours →

  1. Bem que dizem que educação (e zelo) vem de berço. Felícia dá um show!

    E o papai fica muito feliz.

  2. Gente, essa menina é fofa demais.

    Agora, pergunta: Felícia insiste para que a Filó coma mesmo quando ela não quer comer?

    Resposta: sim. Chega a puxar a Filó pelo pescoço até o prato e dar ordem com dedo em riste.

Você quer comentar? Clique aqui!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: