A conquista dos 5km

Correr nunca foi uma ideia que me agradou.  Lembro que, uma vez, na época em que eu frequentava a academia, um professor perguntou se eu aceitava o desafio de correr 5km até o fim do ano.  Eu ignorei a provocação.  Jogar futebol sempre foi muito mais a minha praia.  Correr por correr, não, obrigado.

Até o dia que eu subi na balança e ela me derrotou.  Eu tinha que fazer alguma coisa.  Correr era o mais barato.  Filho “empobrece”.  Você começa a se privar das coisas que gosta por causa deles.  Instinto.  Natural.  Só quem tem filho entende.  Sair do Cachambi ajudou.  Moro num lugar onde as ruas são mais propícias à prática de exercícios.  É mais seguro (esse conceito é altamente subjetivo e mais ainda duvidoso), é mais fresco, tem menos movimento.

O empurrão que faltava era a provocação certa.  A balança não era o bastante.  Foi aí que eu descobri que o aplicativo Nike+, além de registrar suas distâncias percorridas e disponibilizar uma série de dados interessantes em um website, também tem um “treinador”.  Você escolhe uma meta (o seu desafio) e ele dá um programa de treinamento.  Tentei seguir uma vez, tive que abortar.  Na segunda tentativa, um mês depois, consegui.  De quebra, perdi 8kg.

Minha meta era conseguir correr, sem parar, a distância de 5km até o fim do ano – aquela mesma meta que havia recebido em provocação por aquele professor – gordinho, duvido que ele conseguisse correr 5km.  Primeira meta, que eu consegui bater ontem.  Corri da minha casa à casa da minha irmã – exatamente 5km – em 28’33”.  Voltei de ônibus.  Nada mau para quem começou a praticar há dois meses, eu acho.

Agradecimentos especiais ao Marcio, que tem ajudado no treino caminhando comigo duas vezes por semana.  Vale o registro, indispensável, até para incentivá-lo a parar de furar os treinos (há duas semanas nossas agendas de treino não se cruzam).

A próxima meta é correr os 5km no dobro do tempo do recorde mundial feminino para a modalidade – que hoje é de 14’11″15, o que significa que eu preciso melhorar meu tempo em pouco mais de dez segundos para atingir essa meta.  Isso se nenhuma etíope ou queniana resolver baixar esse tempo.

Anúncios

4 Comments

Add yours →

  1. Eu não ganho nenhj agradecimento especial??? Se me lembro bem seu segundo melhor tempo de 5km foi correndo comigo….

    Correndo e caminhando, a cada 2 minutos.
    De lá para cá (mais de um mês), você só tem me enrolado.

  2. Domingo tamo junto!

    Ainda tô esperando.

  3. Você tem muito ainda a aprender o que filho faz com a gente! Felizmente o “empobrece” nos fez morar sempre no Cachambi. Podia até ser pior…
    Parabéns pelo feito! Quem sabe nesse novo desafio não vai embora mais 8 quilos?

    Mãe, tá tudo bem?

  4. Já fui tão bom nisso… *suspiro*.

    Volta a treinar, ué. Rapidinho você volta à velha forma.

Você quer comentar? Clique aqui!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: