Uma grande brincadeira

Os homens não crescem.  Não conheço uma mulher que pense diferente.  Elas, porém, não entendem que é justamente isso que as atrai.  Aquele fogo juvenil, a imaturidade geralmente reservada aos momentos íntimos, seja junto à família ou aos amigos, tudo isso faz do homem um ser fascinante aos olhos femininos.  A arrogância que as cega é que não permite que elas enxerguem além do primeiro plano da realidade.

Desde a alegria de jogar botão com um amigo de infância à cotidiana pelada da rapazeada.  Qualquer coisa que ele possa fazer para relembrar os velhos tempos, reavivar a chama da sua infância, esquecendo, ainda que momentaneamente, do pesado fardo das responsabilidades cotidianas, será bem apreciado.

É por isso que, há três anos, eu, o Eduardo e o David criamos um bolão.  Apostamos originalmente resultados de futebol e de Fórmula 1, nossas paixões.  No início, um rascunho num papel marcava o placar; depois, uma planilha no Excel de formato rudimentar.  Eu venci o Bolão no ano de 2013, o Eduardo venceu em 2014.  David nunca venceu.

A brincadeira pegou e resolvemos chamar mais dois amigos, que gostaram também.  A coisa então evoluiu para uma planilha mais bonita, repleta de gráficos sobre o desempenho de cada um e estatísticas aleatórias.  A Fórmula 1 ficou chata e a tiramos do bolão, com a promessa e voltar quando os resultados forem menos previsíveis do que Hamilton, Rosberg e Vettel, não necessariamente nessa ordem.

Agora é hora de crescer mais um pouco.  O Bolão vai ganhar um blog (clique aqui para ver e salve nos seus favoritos!), no estilo do ancião Carlos Magalhães Futebol Clube.  Como tudo hoje em dia é Facebookable, também tem página no Facebook para curtir.  O blog começou hoje; o Bolão (re)começa em julho.  Se continuar dando certo, vamos conseguir um patrocínio, crescer, registrar a marca, criar um aplicativo e vender tudo por milhões de dólares (quiçá bilhões) para um grande conglomerado da comunicação ou da informática.

E o que vamos fazer com esses milhões (quiçá bilhões) de dólares?  Arrumar outra brincadeira infantil para nos divertirmos.  Só esperamos que, com essa dinherama toda, nossas esposas nos deixem brincar em paz.

Anúncios

2 Comments

Add yours →

  1. Outro blog😱…não vou aguentar! Kkkk

    Vai sim…

  2. Desejo imensa sorte nesse segmento dos milhões, pois, brincadeiras à parte, dão imenso jeito! 🙂 🙂

    Não quer participar?

Você quer comentar? Clique aqui!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: