Santo Domingo de la Calzada

O vídeo da semana passada já disse muita coisa sobre Santo Domingo de la Calzada. Mas faltou mostrar o principal: a sua Catedral, dedicada ao santo que viveu, morreu e deu nome na cidade, e cujos milagres, em benefícios de peregrinos, fez sua fama.

O milagre mais famoso ocorrido no local, porém, não foi protagonizado por Santo Domingo.  Trata-se de uma história muito parecida com a do Galo de Barcelos.

Um jovem alemão de 18 anos chamados Hugonell peregrinava a Santiago de Compostela acompanhado de seus pais.  Na casa onde se hospedaram, na cidade, trabalhava uma jovem que se apaixonou por ele, mas não foi correspondida.  Com raiva, escondeu em seus pertences um objeto de prata e o acusou de furto.  Ele foi considerado culpado e condenado à morte por enforcamento.  Nada restava aos pais fazerem senão rogarem a Santiago por um milagre.  Após a execução da pena, seus pais se aproximaram do corpo para se despedir, momento em que ouviram o filho lhes dizer que estava vivo, graças a Santiago.  Felizes, eles correram ao corregedor para comunicar o ocorrido.  O corregedor os recebeu durante o jantar e, ao ouvir a história absurda, respondeu: “Vuestro hijo está tan vivo como este gallo y esta gallina que me disponía a comer antes de que me importunarais”.  Nesse momento, o galo e a galinha começaram a cacarejar.

Por causa disso, até hoje, um galo e uma galinha brancos são mantidos em um galinheiro no interior da Catedral, em frente ao túmulo de Santo Domingo de la Calzada, como testemunho vivo e permanente do socorro de Santiago aos peregrinos.  Uma Bula Papal, assinada por Clemente VI em 1350, estabelece indulgências para os fiéis que contribuírem para o culto na Concatedral, assistissem os ofícios divinos ou que observassem o galo e a galinha que existem na igreja. As duas aves são substituídas mensalmente por voluntários da Confraria de Santo Domingo.

Anúncios

Você quer comentar? Clique aqui!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: