Botões para apertar

Bebês, atualmente, já nascem sabendo apertar botões.  A minha geração evoluiu com a evolução dos botões.  A geração dos meus pais teve que aprender na marra, já velhos, para que eles serviam e como utilizá-los.  A geração dos meus filhos nasceu programada para apertá-los.  Tenho a impressão de que receberam essa informação no DNA, juntamente com os reflexos de mamar e outros do gênero.

O dia que ele abrir a porta vai se ver comigo...
O dia que ele abrir a porta vai se ver comigo…

Fergus não fala, não anda, tem meia dúzia de dentes na boca (dos quais dois mal podem ser vistos), mas já sabe apertar botões como ninguém.  E faz isso como um menino deve fazer: no rack, prefere o Playstation a qualquer outro aparelho.  Do lado oposto da sala, fisicamente falando, a cervejeira é o seu alvo predileto.  Como é que ele aprendeu a destravar o painel?  Mistério.  E não só destrava, como acende e apaga a luz interna da cervejeira, altera a programação de temperatura, faz o diabo.  Tenho medo do que ele será capaz de fazer ali no dia que souber abrir a porta.  Sinto cheiro de problemas no ar.

Anúncios

One Comment

Add yours →

  1. O bom e velho cadeado. Sempre resolve.

    Mas aí eu vou ter que ajambrar um cadeado. Não vale.

Você quer comentar? Clique aqui!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: